quinta-feira, 9 de janeiro de 2014

Jesus, reis magos e o grande engano!

Tudo bem que eu nem tenha postado algo sobre a comemoração do dia dos Reis Magos, coisa importante para mim , pois eram astrólogos e sacerdotes, nada disso de "reis"!Só não comemoro na data específica porque está errada, assim como a do nascimento de Jesus que já cansei de explicar aqui, pois foi escolhida pela Igreja Católica para se adequar ao período do "Sol Invictus" , que acontece entre os dia 21 e 22 de dezembro de cada ano e a festa pagã romana das "Saturnálias". Grande sacada de "marketing", não? Nosso Cristo nunca foi "pobrezinho" nascido numa manjedoura em Belém. Existiu outra cidade da comunidade dos essênios, no mar morto, denominada "Bethlehem", Belém, descoberta recentemente em Israel, comprovando o erro histórico e bíblico! O costume de guardar os animais em casa ou abrigados a partir do outono era geral, portanto , nunca houve uma manjedoura, porque existiam as já descobertas "hospedarias, hospitais e maternidades" esculpidas em pedra, como estão lá na terrinha santa para os turistas verem. Eram bem aparelhadas em recursos, até água corrente para banhos e precauções higiênicas. Salas para hospedagem e parto, administração e alimentação. Jesus teve sua educação e vida previamente garantida pelos Magos, que o presentearam com o que de mais precioso e caro havia na época. Ouro, incenso e mirra. Portanto, desculpem-me os padres e comunistas de plantão, mas de pobre ele não teve nada em sua infância e criação, tanto que não há provas de que trabalhou em nada, nem com seu padrasto; José, que assumiu a estranhíssima concepção alienígena de Maria. "Ame" em hebreu antigo significa "Virgem", mas não existem vínculos ligando o nome "Maria" à tradição de nomes da época.Para aqueles que ainda não entenderam a explicação do post anterior sobre "Livre-Arbítrio" e se recusam a admitir a inexistência do mesmo, devo esclarecer que vivemos numa multiplicidade de dimensões emparelhadas e entrecortadas, como na Física Quântica é concebida esta hipótese e de dimensões compactadas, como na divisão de 10 + 1 "Branes" (películas) em nossa realidade material. Aqueles que creem ter "lívre-arbítrio" , pelo menos imaginam tê-lo, deverão estudar um pouco sobre um fenômeno da Física Quântica que gerou até um filme consagrado pela crítica internacional. O "Efeito Borboleta", qual seja um arranjo sofisticadíssimo de probabilidades, reunindo infinitas possibilidades e influências matemáticas aleatórias, que analisam um rumo , ou eixo principal e prioritário e todas as influências paralelas que se aproximam deste rumo ou "eixo do destino". Dai que teremos uma noção de que uma simples borboleta, batendo suas asas freneticamente, se unida a outras, poderão provocar uma alteração climatológica e ventos fortíssimos, talvez "tsunamis" ao redor do mundo pela repetição deste ato natural e instintivo. Aos que me perguntaram como ficaria o caso de pessoas que se entregam perante o sofrimento e outras que conseguem superá-lo a contento e terem sucesso, apenas responderia que também isto "ESTAVA ESCRITO"!Era o destino atuando e cada personagem tendo sua parte na obra. Vencedores e vencidos! Alguns venceriam os obstáculos, outros sucumbiriam! Simples assim!Se você nasceu para ser um vilão nesta história de vida e peça, não importa o que faça, a pressão será maior para que seja um vilão, mas, se conseguir afrontar seu destino, entrará em outra trilha ou dimensão paralela, que o conduzirá à outra vida e final, talvez mais feliz ou melhor, porque as dimensões são como avenidas, estradas e atalhos, se entrecruzando e se relacionando, conforme cada decisão (aparentemente tomada por um livre-arbítrio total, mas somente um mínimo deste). Entretanto, quem estiver na mesma faixa de onda e vibração de cada um de nós o destino coletivo de quem esteja sintonizado na mesma frequência, estará interligado e poderá passar para outra trilha da realidade multidimensional conosco, sem que percebamos esta transição espiritual e material. Meio complicado de entender? Admito!Não somente a Física Quântica , mas também os ensinamentos milenares, de tantos sábios e filósofos,que a inspiraram e, recentemente, guiam as melhores cabeças pensantes da atualidade intelectual e científica, aproximando o pensamento metódico e racional, da ideia da existência de "Deus" ou uma energia criadora! Felizmente, os maiores expoentes da ciência atual estão caminhando nesta direção e constatação que uniria o nosso sentimento divino ao racional superior. Nem importa se as datas dos "Reis Magos" ou de Jesus, estão certas, pois a História é uma falácia contada pelos vencedores!. O que importa é o espírito de comunhão com uma realidade não contada devidamente, mas ensejada por todos nós como uma hipótese de "Milagre"!

9 comentários:

Anônimo disse...

ok it's time to cut the crap and go straight to bbb14!

Richard disse...

Feliz 2014 Homero e sei que não tem nada a ver, mas já está preparado pro BBB 14? Curtiu a lista?

Abraço.

Anônimo disse...

GET REAL!!! Anônimo 03:54!

Homero Moutinho Filho disse...

Richard.

Amigo. Depois de perder meus pais recentemente , no espaço de dois meses apenas e estar enrolado com despesas de inventário, obras que eu mesmo estou fazendo no apto herdado e há um ano longe da minha casa no interior, pouquíssimo ou nenhum tempo para o BBB14 ,se é que eu terei paciência para aturar mais um reality fajuto, acho que será bem difícil!

Vitor Angelo Baeta Damasceno disse...

"ok it's time to cut the crap and go straight to bbb14!"

ok so let´s correct this mistake and state things in a proper manner, it´s time to cut the crap bbb14 and continue to discuss serious things as is being done at the moment, congratulations for another excellent text Homero.

Anônimo disse...

Homero disse:
" mas, se conseguir afrontar seu destino, entrará em outra trilha ou dimensão paralela..."
--

A minha pergunta é, como se afronta o destino? já q ninguém sabe qual é o seu .

Homero Moutinho Filho disse...

Alguns têm consciência de sua missão e destino. Afrontar o destino significa ousar, não temer nada, nem a doença, pobreza ou morte, desapegar-se, deixar-se levar num rio invisível, eliminar o Ego e as necessidades comuns à maioria, abrir mão do "status" e da ambição social. Enfim, ser um "outcast", um ser liberto do sistema e de qualquer afinidade com a sociedade e meio, em sua solitária busca de outras realidades paralelas.

Anônimo disse...


realidades paralelas é o mesmo que mundos simultâneos , ou são coisas diferentes ? Pelo que entendo de mundos simultâneos é o que o Richard Bach descreve como vários de vc vivendo simultaneamente em outras dimensões, se nessa eu sou solteiro, em um mundo simultâneo posso estar casado, se nesse mundo exerço uma profissão, em um mundo simultâneo posso estar fazendo outra coisa e etc.

Homero Moutinho Filho disse...

Exato!