domingo, 15 de novembro de 2009

Não postarei por alguns dias!

Estava contando pelo e-mail à uma amiga.

Não bastassem os problemas do computador, acabo de chegar da veterinária que me atendeu de emergência.
Minha cachorrinha de apenas um ano, a mais linda, teve de ser sacrificada.

Larvas de môsca varejeira se instalaram não sei como devorando de dentro para fora os olhos dela e parte do cérebro. Não dava para ver antes porque ela é muito peluda e os olhos totalmente ficam cobertos. Hoje estranhei pelo cheiro, ela estava num cantinho escuro, levantei os pelos e vi aquele horror!
Ela não chorava nem aparentava estar doente, só estava mais quietinha e ficava nos cantos mais escuros. Eu fazia carinho nela , mas não enxergo bem e os outros 10 cães logo chegavam para disputar a atenção. Nos últimos dias ela dormia encolhida no canto mais escuro do hall na porta do meu quarto. Eu afagava sua cabeça todas as vezes que passava e não percebia que ela estava sofrendo e querendo me avisar.
Minha cabeça estava cheia de problemas por causa do PC e do trabalho acumulado, sem poder cumprir meus compromissos.

Foi horrível o susto e pior a dor de perdê-la.

Não me conformo...

26 comentários:

Sol disse...

Que tristeza! Homero, penso o quanto foi dificil tomar essa decisão, algum tempo atrás fui obrigada a também sacrificar uma cachorrinha, infelizmente existem situações que nada podemos fazer, a não ser aliviar o sofrimento de quem gostamos, pior é permitir dor e agonia.

Receba a minha solidariedade,entendo perfeitamente o que está sentindo.

Solange

luciana disse...

homero

saudades de vc...faz tempo que nao entro ;o meu pc anda muito lento e nao ando bem de saude...mas nao estou afim de falar nisso
entrei para mandar beijos para vc e meus sentimentos pela cachorra;eu ja perdi uma cachorra e sei o que vc esta sentindo;
elas sao mais humanos do que os humanos...
eles sao filhos para a gente .
agora tenho dois que amo de paixao no dia que eles forem eu vou junto pq sou super ligada neles..bjs
vou rezar para vc ficar mais calmo e menos triste ;...
bjs mas volto aqui...luciana

Homero Moutinho Filho disse...

O pior é que eu me sinto culpado . Cheguei a pegá-la no colo várias vezes e não consegui enxergar nada!
É o cúmulo da cegueira!

Nininha disse...

Homero, esperava por tudo, menos isso, que coisa horrível,bem posso nem imaginar como está se sentindo, um grande abraço, não sei mais o que dizer.

Sol disse...

Não se culpe, fique tranquilo, voce é o primeiro a defender a teoria sobre "destinos", isso vale para humanos e animais.

De tudo fica um aprendizado, se tiver mais animais com o mesmo tipo de pêlo ,que cubra os olhos,( mesmo que isso seja a característica da raça), apare-os, facilita o contato visual e voce saberá se eles estão bem ou não.


Solange

Anônimo disse...

Homero, não se culpe pelo ocorrido. Quando você poderia imaginar um acontecimento deste? Carinho você deu à ela até seu último suspiro. Tempos atrás tivemos que sacrificar nossa labradora, linda, linda, mas que tinha alergia do próprio organismo, já desde que nasceu. Viveu por quatro anos. Lutamos muito por ela, até que chegou uma hora em que os medicamentos não faziam mais efeito. Ela começou a apodrecer de dentro pra fora. Terrível em recordar. Não tivemos outra escolha. Sei da sua dor, mas pense no alívio que trouxe a ela.
Abraços e fique com Deus.
Olivia

Anônimo disse...

Eu espero que a sua cahorrinha melhore.= e se salve.

Homero Moutinho Filho disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Homero Moutinho Filho disse...

Anônimo das 00:11.

Obrigado, mas ela já foi sacrificada. Não tinha mais possibilidade de cura e estava sofrendo demais.

u disse...

homero fique com sua consciência tranquila. ah se todo ser humano tivesse pelo menos a metade do carinho que vc tem com os animais.

voce fez o que estava ao seu alcance, tem momentos que a gente se ve incapaz de salvar tanto um animal de estimação quanto um ente querido... é a vida.

imagino como foi duro passar por isso, mas se apegue nos que restaram.

Elisete XNS disse...

Oi, Mano Urso... quanto tempo não venho aqui... e quando apareço, me deparo com esta triste notícia...

Ah lamento muito, Mano Urso... imagino a sua dor e o quanto tá sendo difícil... não se sinta culpado...

Um grande abraço, Pandão!

Elisete XNS

Anônimo disse...

ALO HOMERO

fique qieto e curta a sua dor pois ela nos ensina muito, procure tirar proveito deste tempo pois nos fortalecemos qdo nos sentimos fracos, com certeza vai aparecer algo q nos levante e precise mais de nos, nestas horas DEUS fecha uma PORTA mas nos abre sempre uma FRESTA NUMA JANELA DE ESPERANÇA, PARA ISTO BASTA Q FIQUEMOS ATENTOS E ABRAMOS TODA A JANELA P Q ENTRE A LUZ

LIA POA RS

Anônimo disse...

HOMERO

esteja certo de q nada acontece por acaso não devemos nos sentir culpados, pois assim enfraquecemos e não percebemos o auxilio q recebemos do mais alto

DEUS ESTEJA CONOSCO HOJE E SEMPRE

MUITA LUZ E FORÇA

Anita disse...

homero

eu tb tive de tomar a decisão de sacrificar uma gatinha minha, a "chanchita", lá em baires, por uma doença do fígado, sem tratamento nem cura. horrível, sei bem pelo que vc está passando.

Um abraço enorme, e pensa que pelo menos assim, não sofre mais. :)

Anônimo disse...

Homero,

Sei o grande amor que voce tem pelos seus bichinhos e de tudo que é capaz por eles.

Fiquei triste...não me conformo com essas coisas tambem.
Mas por favor não se culpe...nem tudo depende de nós...infelizmente.

Sei que dói muito por dentro mas, fique com o carinho de todos que estão aí do seu lado e te darão fôrça, paz e muita luz.

Um grande abraço.
Go Homero!!!

Sol disse...

Boa tarde Homero!

Segunda-feira me lembra ressaca, ô dia ruim de passar!!!, as horas parecem duplicar.
Como está hoje?, desejo sinceramente ,que o sentimento de culpa tenha passado, sei que sempre quiz o melhor para seus "bichinhos", inclusive respeitando a natureza de cada um.


Solange

Homero Moutinho Filho disse...

Agradeço a todos pelo apoio.

O que me doi e nem consegui dormir até agora, é não ter enxergado o estrago que as larvas estavam fazendo, comendo os olhos e parte interna do cérebro, parecia uma caveira debaixo dos longos pelos e o "cegueta" aqui sempre a afagando e pegando quando passava por ela, não viu! Imagino sofrimento em silêncio da pobrezinha. Foi horrível. Pior do que um filme de terror.
Já passei por muitos sofrimentos semelhantes com meus cães e gatos, mas este foi o mais aterrorizante.

Anônimo disse...

Nossa Homero, que terrível.
Que Deus te dê força e que apague da sua memória essa triste visão e que sobre apenas a lembrança de um animalzinho que com certeza foi amado e feliz durante o período que permaneceu contigo.
Um abraço!

Anônimo disse...

Homero

Sei o que está sentindo. Tb passei por algo parecido. Meu cachorro ficou cego, sem que ninguém percebesse. Só percebemos o que aconteceu pq a veterinária falou qdo fomos levá-lo por causa de um câncer na mandíbula. Aí que lembramos que ele coçava o olho no muro e achávamos que não era nada. O que ele deve ter sofrido, meu Deus!!! Tivemos que sacrificá-lo, mas o que eu não me conformo foi ter deixado ele ficar cego. Não tenho coragem de ter cachorro mais, por causa disso, fiquei traumatizada.
Desejo q vc tenha mta força nesse momento.

Um abraço

Anônimo disse...

Homero,

Te peço..não se torture mais.

Tente descansar um pouco.
Fica com Deus.
Go Homero!!!

Homero Moutinho Filho disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Homero Moutinho Filho disse...

Não se preocupem.
Já perdi minha casa num incêndio, fiquei com a roupa do corpo e, no dia seguinte, já estava reconstruindo.
Não me deixo abater facilmente.
Foram só muita pena e dó do bichinho.
Talvez poste ainda hoje, mas tenho trabalhos encomendados para entregar.

janaina iara disse...

Homero,

Ditado de minha avó:
...as vezes os nossos bichinhos são pararaios...
Nada acontece por acaso, mesmo para aqueles que estão em vigilia.
abraços

guibraga disse...

Sr. Homero
Acredito que Deus ama todas as suas criaturas , e assim como nós temos o nosso papel , os animais também têm o deles . Conheço várias pessoas que melhoraram , como seres humanos , depois do convívio com animais , portanto não foi o senhor que não viu , pois mesmo que tivesse visto nada poderia ter feito ... Era chegado o momento da partida dela . Talvez ela tenha vindo , para lhe avisar que é preciso estar alerta sempre . Quem sabe isto não significará a vida de outros futuramente ?
Sou solidária a sua dor . Perdi uma pessoa muito querida , da família , recentemente . Sei o que está sentindo , também me senti de mãos atadas ...
Que Deus lhe tire esta culpa , pois ela não é sua .

Homero Moutinho Filho disse...

Guibraga.

Alerta procuro estar sempre, mas o excesso de trabalho e o fato de enxergar mal me trairam.
Também costumo ficar atento a estes "avisos" simbólicos.

Homero Moutinho Filho disse...

Agradeço a todos pela força e apoio.