quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

"Bingões" lamentáveis.

http://tvuol.uol.com.br/#view/id=imagens-areas-mostram-devastao-em-terespolis-04029A3062C0C19307/mediaId=8980105/date=2011-01-12&&list/type=tags/tags=18773/edFilter=editorial/

Todos sabem o quanto gostaria de ter errado certas previsões. Quando iniciei no primeiro dia do ano de 2008, uma sequência delas referentes a muitas catástrofes e tragédias aqui e no exterior, usando a expressão "ventos e águas". Utilizei uma imagem de "Mamãe Oxum" , que recentemente, nesta virada de ano de 2011 postei novamente, como mais um aviso dos inúmeros que já dei, especialmente para os moradores de regiões litorâneas, como os do Rio de Janeiro, onde nasci, vivi e meus pais, além de parentes ainda residem lá.
Contestei as previsões de vários jogadores de búzios, quando disseram que seria este ou aquele "orixá" o novo regente nestes dois anos, dizendo que eles erraram, porque o "povo das águas" continuaria provocando muitas catástrofes com bastante vítimas.
Pela situação do nosso sistema solar e de nosso planeta, em quase exato alinhamento perpendicular ao eixo central da "Via Láctea", coisas terrivelmente piores, inimagináveis, ainda deverão ocorrer e, grande parte do Brasil não estará a salvo, como muitos pensam estar, nem mesmo em determinados locais do interior.
Se eu tivesse aceito a vontade de meus pais, para que voltasse a residir no estado do Rio de Janeiro, mais provavelmengte numa casa em Teresópolis, pois não moraria jamais em apartamento, talvez hoje estivesse morto.
Mesmo com o difícil estado de saúde de minha mãe, recusei a pensar na hipótes de sair do interior de São Paulo e voltar para mais perto deles.

Se eles não quiseram acreditar em minhas previsões, inclusive para a região serrana, o trágico fato atual, que vitimou tanta gente (pobres e ricos), servirá de lição.

2 comentários:

Sol disse...

Pois é né Homero, Quem avisa, amigo é!, aqui em São Paulo, a situação não é tão diferente, felizmente, não ocorreram tantas mortes como no caso da Região Serrana do Rio.

Fico indignada com o poder público, porque, tudo isto acontece, todos os anos, com menor ou maior intensidade e nada é feito por pura omissão.

E tudo isto pra que?, para não precisarem investir em moradias populares descentes e seguras e principalmente em infra estrutura, o povão, por necessidade ou comodismo, continua a facilitar a vida destes sangues sugas.

Solange

BOX666 disse...

Vc acredita na "Profecia de Neila Alckmin"? Não coloco aqui pq vc já deve conhecer.

A "tragédia das pedras" aconteceu....

De fato, uma catástrofe como jamais imaginada. Mais de 500 mortos. E temos que relevar que essa tragédia na Região Serrana do Rio, tem a ver com pedras e lama.